Seja bem-vindo! Aproveite o conteúdo abaixo. Esta página não é mais atualizada. Obrigado por sua visita.

Quinta-feira, 8 de Março de 2007

Dia internacional da mulher

O feminismo surgido na década de 60 foi nada mais que um machismo ao contrário. O feminismo é uma reação ao machismo. Jesus veio para acabar com todo tipo de segregação (Gl 3.28). Devemos ser contrários ao machismo, mas igualmente não há lugar para o feminismo, pois a imagem de Deus está tanto no homem como na mulher (Gn 1.26-27).

Deus chamou o primeiro casal de Homem, literalmente Adão (Gn 5.2). Deus deu ao homem a responsabilidade de responder diante dele (Gn 3.8-9), mas Deus também fala com a mulher (Gn 3.13); ela também tem voz e direito a palavra desde a criação, pois o mundo não é dos homens, mas dos humanos e isso inclui a mulher diretamente.

A mulher tem a mesma capacidade moral do homem. Grande parte dos problemas sofridos por ela, é porque o homem não reconhece sua idoneidade.

Quando Deus traçou o plano da redenção humana, ele envolveu a mulher no processo. Por toda a Bíblioa isso é mostrado. Veja Gn 3.15; Lc 1.28-30, 42; Gl 4.4).

Se o Verbo (a Palavra) se fez carne no ventre da mulher (Maria), então, o verbo (a palavra), não pode ser negada àquela que concebeu a Palavra (Jesus) entre os homens. A mulher estava sempre presente no ministério de Jesus. Os maiores problemas enfrentados pela mulher não são bíblicos, mas culturais e institucionais.

Que esse dia sirva para confessarmos como homens a nossa continuada discriminação contra a mulher. Que tomemos novas atitudes como pais, maridos, patrões... em favor da mulher, que não precisa de dó, mãozinha ou clemência. Ela precisa ser apenas ela mesma - mulher.

Antonio Francisco às 23:28